O Renda Brasil estima atender mais de 30 milhões de famílias de baixa renda, a partir de janeiro de 2021.

Portanto, saiba mais sobre o Renda Brasil no decorrer deste artigo.

Valores da Quinta Parcela do Auxílio Emergencial liberados!

O que é o Renda Brasil?

O Renda Brasil é um programa social em desenvolvimento criado pelo governo federal.

O novo benefício iniciará após o pagamento da última parcela do Auxílio Emergencial em dezembro de 2020.

Ainda está sem divulgação, os valores exatos do benefício.

Segundo o ministro da Economia, o valor deverá ser entre R$ 250,00 e R$ 300,00 ao mês.

Os recursos financeiros usados para atender aos beneficiários do novo programa social virão da unificação de outros programas já existentes.

Sobretudo, o Auxílio Emergencial, o Abono Salarial, o Seguro-Defeso e o Bolsa família.

Veja também:

No entanto, estes programas continuarão normalmente.

Aliás, apenas a união dos valores de cada um ao compor o valor total a ser pago no Renda Brasil.

O Renda Brasil visa consolidar e facilitar o acesso da sociedade brasileira em um só projeto os 27 programas sociais existentes no Brasil.

O governo federal, também, pretende cancelar benefícios tributários e desonerar produtos da cesta básica para conseguir o valor total do benefício.

Também estão previstos cortes nos abatimentos de despesas médicas, de educação e de dependentes da base de cálculos do imposto de renda.

Quem terá direito ao Renda Brasil?

Todas as famílias integrantes do Bolsa família, Auxílio Emergencial ou de outros programas assistenciais terão direito de receber o Renda Brasil.

Além disso, quem não recebe nenhum benefício do governo, mas no qual possui uma renda mensal inferior a um salário mínimo também poderá receber o auxílio.

Pessoas com patrimônio maior do que R$ 300 mil não poderão receber o benefício.

renda brasil

Está sendo estimado aproximadamente 21 milhões a serem recebidos pelas famílias.

Sobretudo, atualmente o Bolsa família e outros programas sociais somam cerca de 14 milhões de beneficiários.

O valor médio recente do Bolsa Família é de R$ 189,00 e algumas famílias recebem até R$ 500,00 pela quantidade de dependentes, como:

  • Filhos menores de 18 anos;
  • Dependentes financeiros de qualquer idade com deficiência grave;
  • Enteados.

Esse é um ponto de valor, pois inclui dependentes e está ainda em definição pelo governo federal.

Cadastro

Você não precisará realizar nenhum cadastro caso participe de alguns programas sociais governamentais.

Quem já participa desses programas sociais terá a transferência e já estarão habilitados na inclusão e utilização do Renda Brasil automaticamente.

Sendo assim, para ter certeza se os seus dados constam no sistema, acesse o site do Cadastro Único.

Na página inicial do serviço, deverá preencher seus dados pessoais e clicar no botão “Emitir uma certidão”.

O site da Caixa Econômica Federal, também reúne informações do Cadúnico.

Também é possível entrar em contato pelo telefone 0800 726 0207, redes sociais ou pessoalmente em uma agência próxima da sua residência.

Se acaso o sistema não localize seu cadastro ou precise fazer o cadastro pela primeira vez, acesse o site para encontrar um CRAS e receber orientação de cadastramento.

Observações sobre o Renda Brasil

Independentemente da quantidade de pessoas na família e morando na residência, apenas uma pessoa pode ser a responsável ao participar do processo de cadastramento.

Essa pessoa ficará responsável pelos contatos com o CRAS, reunir os documentos necessários e fazer o cadastro.

Pagamento

Ainda está sem confirmação exatamente de como será o pagamento do Renda Brasil.

Pois com base no modelo usado no pagamento do Auxílio Emergencial, é provável de os beneficiários utilizarem a conta digital Caixa Tem.

Para utilizar esses serviços, basta fazer o download do aplicativo disponível para Android ou iOS, e cadastrar os dados pessoais.

É importante estar com todos os dados do Cadúnico atualizados sempre que houver mudanças, como residência, estado civil, renda, número de filhos, entre outros.

Isso porque, essas informações são utilizadas na análise do perfil social de cada família e vendo qual a real necessidade de receber os benefícios.

Ficou claro todas as informações do Renda Brasil, acompanhe mais sobre esse benefício.

Liberada a Quarta Parcela do Auxílio Emergencial!

Compartilhe: