O auxílio emergencial ajudará milhões de brasileiros nesse período bastante difícil em que o país se encontra.

As regras para receber e o calendário de pagamento foram ATUALIZADOS. Saiba quando você irá receber agora!

Publicidade

Conforme todo o mundo, o Brasil está atravessando com a pandemia de Coronavírus (COVID-19).

Sobretudo, nesse período de pandemia, a orientação da OMS, é a realização de um isolamento social.

Essa medida vem afetando bastante o balanço comercial no país, pois a maioria dos brasileiros possuem sua renda através do comércio.

Contudo uma vez afetado, não há dinheiro circulando pelas ruas e consequentemente o comércio segue bastante afetado.

Publicidade

O auxílio de emergência parece ter sido um primeiro ponto de convergência entre o governo de Jair Bolsonaro, a oposição e especialistas.

Membros da equipe econômica estimam o impacto da medida nas contas do governo de R$ 45 bilhões durante os próximos três meses.

A ajuda emergencial chegará a 100 milhões de brasileiros, incluindo os 77 milhões de pessoas de baixa renda registradas no Cadastro Único.

O projeto foi incluído no texto para o senado como um “ajuste” de um projeto orçamentário. Dessa forma, o projeto não precisou retornar a uma nova análise na Câmara, passando direto à sanção presidencial.

O projeto de lei aprovado pelos deputados também isenta as empresas de pagarem os 15 dias de remuneração a empregados afastados do trabalho devido a doença.

O INSS será responsável pelo pagamento desse período. Confira todas as informações sobre o auxílio emergencial.

Publicidade

Saiu a terceira parcela!

Calendário Da Conta Digital

Nessas datas, os recursos estarão na conta, mas não poderão ser sacados em dinheiro:

Terceira Parcela – Calendário do depósito na conta digital
NascidosData
janeiro/fevereiro27/06
março/abril30/06
maio/junho01/07
julho/agosto02/07
setembro/outubro03/07
novembro/dezembro04/07

Calendário do saque em dinheiro

Os recursos estarão disponíveis para saques e transferências bancárias conforme o seguinte calendário:

Calendário do saque em dinheiro
NascidosData
janeiro18/07
fevereiro25/07
março01/08
abril08/08
maio15/08
junho29/08
julho01/09
agosto08/09
setembro10/09
outubro12/09
novembro15/09
dezembro19/09

Para Beneficiários do Bolsa Família

Para os beneficiários do Bolsa Família a terceira parcela do auxílio emergencial já foi liberado! Confira as datas:

Pagamento da 3ª Parcela do Auxílio Emergencial – Bolsa Família
DATA – PREVISTAREQUISITO
17/06NIS final 1
18/06NIS final 2
19/06NIS final 3
22/06NIS final 4
23/06NIS final 5
24/06NIS final 6
25/06NIS final 7
26/06NIS final 8
29/06NIS final 9
30/06NIS final 0

 Saiba AGORA os dias de pagamento do Auxílio Emergencial de todas as parcelas!

Os pagamentos começam ainda em abril, e serão divididos por quem já tem cadastros no Cad Único, quem precisa se cadastrar ou se cadastrou agora, e os beneficiários do bolsa família.

Mais 9,4 milhões de pessoas devem receber nesta semana a primeira parcela do auxílio. A expectativa da Caixa é pagar aproximadamente R$ 4,7 bilhões até dia 17/04. Isso para os beneficiários do Bolsa Família e Cadastro Único com conta de poupança digital na Caixa ou conta no Banco do Brasil.

Confira abaixo os que irão receber agora:

Primeira Parcela:

Inscritos no aplicativo e no site:

  • 17/04/2020: Pagamento do auxílio para pessoas com conta na Caixa.
  • 18/04/2020: Pagamento do auxílio para pessoas com conta em outros bancos.
  • 20/04/2020: Para quem tiver a poupança social digital da Caixa.

Beneficiários do Bolsa Família

Já para os beneficiários do Bolsa Família, a avaliação de elegibilidade será automática!

  • 17/04/2020: Recebem o auxílio os beneficiários do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 2
  • 20/04/2020: Recebem o auxílio os beneficiários do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 3
  • 22/04/2020: Recebem o auxílio os beneficiários do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 4
  • 23/04/2020: Recebem o auxílio os beneficiários do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 5
  • 24/04/2020: Recebem o auxílio os beneficiários do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 6
  • 27/04/2020: Recebem o auxílio os beneficiários do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 7
  • 28/04/2020: Recebem o auxílio os beneficiários do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 8
  • 29/04/2020: Recebem o auxílio os beneficiários do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 9
  • 30/04/2020: Recebem o auxílio os beneficiários do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 0

Assim, quem tiver o direito receberá o crédito do auxílio em abril, maio e junho, nos mesmos dias do calendário regular Bolsa Família, e pelos mesmos meios de recebimento.

Inscritos no CadÚnico e que não recebem o benefício do Bolsa Família

Para estes, a primeira parcela será paga no dia 17/04/2020.

Para os Novos Aprovados do Auxílio Emergencial

Confira como ficou o calendário de pagamento da primeira parcela para novos aprovados:

  • 19/05: nascidos em janeiro
  • 20/05: nascidos em fevereiro
  • 21/05: nascidos em março
    22/05: nascidos em abril
  • 23/05: nascidos em maio, junho ou julho
  • 25/05: nascidos em agosto
  • 26/05: nascidos em setembro
  • 27/05: nascidos em outubro
  • 28/05: nascidos em novembro
  • 29/05: nascidos em dezembro

Segunda Parcela Liberada – Novas Datas

O governo atualizou no dia 15/05 as datas  de pagamento das segunda parcela do benefício, confira abaixo.

  • Para os beneficiários que irão receber na Poupança Social para uso digital, terão os depósitos nos dias 20/05 a 26/05.
  • Já para os beneficiários do bolsa família, começa a receber a partir do dia 18 desse mês, até o dia 19/05
  • Para o Saque da poupança social e transferência para outras contas, será nos dias 30/05 a 13/06!

Veja o Calendário Completo Atualizado da Segunda Parcela AQUI!

Como fazer o Saque da Poupança Digital?

Poderá ser feito nos caixas eletrônicos e casas lotéricas de todo o Brasil. Isso, sem a necessidade de usar um cartão.

Contudo, é solicitar a retirada por meio do aplicativo Caixa.

Liberação de Valores do Auxílio Emergencial

A medida faz parte de um projeto de ajuda emergencial de R$ 600 a trabalhadores informais.

Vale ressaltar que para ter direito a receber o benefício, o cidadão precisa estar com o CPF regular. Veja agora como regularizar o seu CPF!

As mães responsáveis pela renda da família, o projeto permite a concessão de duas cotas, ou seja, um valor de R$ 1.200.

As medidas prestadas pelo governo sobre o auxílio emergencial serão concedidas pelos próximos três meses.

Auxílio Emergencial CTPS

Valores – Auxílio Emergencial

Inicialmente, há algumas semanas, a equipe econômica queria conceder R$ 200 a trabalhadores informais.

Após pressão de especialistas, da imprensa e de alguns políticos, a equipe econômica do governo federal admitiu aumentar o valor para R$ 300.

Posteriormente após novas conversas decidiu aumentar a ajuda para R$ 600. Tudo isso depois do presidente defender o novo valor em declarações em Brasília.

Quem tem direito ao auxílio emergencial?

O auxílio emergencial será concedido a àqueles com renda mensal de até meio salário mínimo ou renda familiar de até três salários mínimos.

Quem já recebe assistência mensal do programa Bolsa Família, também terá direito ao novo benefício.

De modo geral, tem direito ao auxílio emergencial cidadãos sem emprego formal. Serão elegíveis, não receber benefícios previdenciários ou assistenciais e seguro-desemprego. Exceto quem opta pelo Bolsa Família.

Assim, o benefício é destinado a quem não é protegido pela Previdência Social. Não a aqueles que têm emprego formal ou quem recebe Benefício de Prestação Continuada.

Os microempreendedores individuais e trabalhadores informais cadastrados no Cadastro Único até 20 de março também terão direito ao benefício.

Como receber o auxílio emergencial?

Toda a operação será credenciada pelos bancos públicos. O solicitante do auxílio emergencial precisa ser maior de 18 anos e estar nos requisitos mencionados.

O auxílio emergencial será pago através de bancos estatais federais. Através de depósitos em contas. A instituição financeira pode abrir automaticamente a conta em nome dos beneficiários.

Enquanto o auxílio emergencial não se encontrar devidamente ativo, os atuais programas continuam ocorrendo em vigor.

Um exemplo acima citado é o programa de Saque Imediato de FGTS, sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro.

Visando o crescimento do até então fraco desempenho econômico apresentado no país.

Aproveite e confira tudo sobre a antecipação do abono salarial!

Compartilhe: