O Auxílio Emergencial tem sido a única fonte de renda de diversas famílias durante a pandemia.

Por isso, o Governo liberou o pagamento de mais quatro parcelas do Auxílio Emergencial. Sendo assim, os valores serão depositados até dezembro e os saques poderão ser feitos até janeiro.

Publicidade

Porém com algumas limitações, saiba mais sobre a sexta parcel do Auxílio Emergencial.

Nova Prorrogação Seguro Desemprego

Valores previstos

Os valores não vão continuar os mesmos, pois, agora serão mais quatro parcelas de R$ 300,00 reais ou R$ 600,00 para mulheres chefes de família.

Contudo, essas parcelas do Auxílio Emergencial serão pagas apenas até dezembro. Ou seja, quem deu entrada no Auxílio Emergencial e recebeu após abril, não acumulará nove parcelas.

Publicidade

Sendo assim, se você recebeu a primeira parcela do Auxílio Emergencial em abril, vai receber mais quatro parcelas de R$300,00. Porém se a sua primeira de R$600,00 foi em junho, terá direito a mais duas parcelas de R$300,00.

Quem tem direito ao auxílio emergencial?

Algumas regras para ser elegível ao pagamento também mudaram. Pois, quem conseguiu seguro-desemprego, aposentadoria, pensão ou emprego formal após o recebimento do Auxílio Emergencial, não terá direito. Portanto, quem tiver renda familiar mensal acima de meio salário-mínimo por pessoa, ou renda familiar mensal acima de três salários.

Da mesma maneira, não receberá quem tenha obtido rendimentos tributáveis, em 2019, acima de R$ 28.559,70 ou tenha tido em seu nome, até o fim do ano passado, bens com valores acima de R$ 300.000,00. No entanto, outros que não poderão receber o Auxílio Emergencial serão os inclusos como dependentes no Imposto de Renda de 2019.

Publicidade

Entretanto, pessoas moradoras no exterior ou em regime de prisão, da mesma forma não serão contempladas. Aliás, quem não solicitou o auxílio no prazo, também ficará sem o Auxílio Emergencial. Contudo a partir de agora, somente os beneficiados continuarão recebendo o valor residual.

Calendário da sexta parcela

O programa conta com três calendários: aos beneficiários do Bolsa Família, aos inscritos no Cadastro único, as pessoas tradicionais, as mulheres chefe de família e o terceiro a quem se inscreveu pelo site ou aplicativo. Abaixo listaremos especificamente, conforme, as datas dos optantes do Bolsa Família, conforme o número final do seu benefício:

NIS
1 17/09 19/10 17/11 10/12
2 18/09 20/10 18/11 11/12
3 21/09 21/10 18/11 11/12
4 22/09 22/10 20/11 15/11
5 23/09 23/10 23/11 16/11
6 24/09 26/10 24/11 17/11
7 25/09 27/10 25/11 18/11
8 28/09 28/10 26/11 21/11
9 29/09 29/10 27/11 22/11
0 30/09 30/10 30/11 23/11

O pagamento do valor residual daqueles que não recebem esse benefício, pode ser de até quatro parcelas de R$300,00. As datas desse público foram organizadas em ciclos, sendo seis no total.

auxílio emergencial

Em cada um deles o beneficiário receberá conforme o mês de pagamento e a fase. Nesse momento, a Caixa está depositando os valores referentes ao ciclo 3. Veja a partir dele como fica:

CICLO 3

Mês Depósito Saque
Janeiro 30/09 07/11
Fevereiro 05/10 07/11
Março 07/10 14/11
Abril 09/10 21/11
Maio 11/10 21/11
Junho 14/10 24/11
Julho 16/10 26/11
Agosto 21/10 28/11
Setembro 25/10 28/11
Outubro 28/10 01/12
Novembro 29/10 05/12
Dezembro 01/11 05/12

CICLO 4

Mês Depósito Saque
Janeiro 30/10 07/11
Fevereiro 04/11 07/11
Março 05/11 14/11
Abril 06/11 21/11
Maio 08/11 21/11
Junho 11/12 24/11
Julho 12/12 26/11
Agosto 13/12 28/11
Setembro 15/12 28/11
Outubro 16/12 01/12
Novembro 18/12 05/12
Dezembro 20/12 05/12

CICLO 5

Mês Depósito Saque
Janeiro 22/11 19/12
Fevereiro 23/11 19/12
Março 25/11 04/01
Abril 27/11 06/01
Maio 29/11 11/01
Junho 30/11 13/01
Julho 02/12 15/01
Agosto 04/12 18/01
Setembro 06/12 20/01
Outubro 09/12 22/01
Novembro 11/12 25/01
Dezembro 12/12 27/01

 CICLO 6

Mês Depósito Saque
Janeiro e Fevereiro 13/12 19/12
Março 14/12 04/01
Abril 16/12 06/01
Maio 17/12 11/01
Junho 18/12 13/01
Julho 20/12 15/01
Agosto 20/12 18/01
Setembro 21/12 20/01
Outubro 23/12 22/01
Novembro 28/12 25/01
Dezembro 29/12 27/01

Então, fique atento em qual você se encaixa e continue informado, acompanhando as notícias em nosso site.

Quem tem direito ao Décimo Quarto salário?

Compartilhe: